GXV

g15-1

GRUPO DE FORTALECIMENTO ESPIRITUAL DAS FAMILIAS.

Grupo de Estudo Bíblico, Crescimento Espiritual, Comunhão entre Irmãos e Evangelismo!

1 - Visão estrutural e teórica

O que NÃO é!

            Diferente do modelo denominado: G12 - movimento criado pelo pastor colombiano César Castellanos Domínguez, da Missão Carismática Internacional (MCI), e também do modelo denominado: Igreja em Células, pensamento estruturado e dissiminado nos EUA, o G15

Não provem de uma revelação nova, nem exclusiva muito menos especial, não muda nenhuma ordem estabelecida na igreja local, e, não é um fim em si mesmo!

E ainda:

            Não tem um número determinado/exigeviel e ou obrigatório de participantes.

Tendo como limite mínimo o conceito bíblico de no mínimo 2 – “pois onde estiverem 2 ou 3 reunidos....” (Mt 18.20)

E limite máximo a conveniência – de ordem e decencia.. (I Co 14.40)

Ou seja, como sugestão para ordem, decencia e melhor aproveitamento deve ser observado o espaço fisico! Bem como, a desenvoltura do encontro – se o nº de participantes é tão grande que não se permite mais a troca de experiencias, comunicação mutua de dons, ou mesmo desconforto fisico (aperto, calor, etc) esta na hora de multiplicar!

            Não tem nem exerce todas as funções e ou ministérios da Igreja local, não objetiva criar “igrejinhas”.

            Não é um grupo “” de oração, ou “” de discipulado, ou “” de testemunhos, ou “” de louvor, ou “” de busca de cura, etc – é um pouco de tudo isto, com o direcionamento de crescimento cristão mutuo;

            Não são congregações ou subsedes da sede;

OBS - podem vir a ser, conforme direcionamento que o Senhor Deus da Igreja estabeleça, confirmado em oração, com preparo prévio e acordado, mas, por natureza e abertura da casa não necessariamente são.

            Não substitui a unidade do corpo de Cristo, mas, a apoia, fortalece e complementa;

            Não objetiva a troca (que gera o afastamento) da comunhão com o corpo de Cristo local – a Igreja Sede.

OBS - é importante lembrar que a célula só é viva num corpo vivo! “e mesmo sendo muitos membros constituiem-se um só corpo” (I Co 12.12)

            Não é repetição do culto de domingo – não precisa estar preso a mesma ordem, liturgia, musicas, etc.

            Não deve gerar conflito de interesse, de agenda, de horário, a agenda de cultos, trabalhos envagelisticos, etc da Igreja deve ser observada sempre com atenção e carinho ao elaborar-se uma agenda interna da casa G15;

           

Após observarmos o que o G15 “NÃO” é, vamos descrever os objetivos a alcançar.

O que DESEJA SER!

O GXV almeja ser:

1º - mais um momento de Louvor, Adoração e Crescimento Espiritual para os membros da Igreja, seus familiares e amigos.

2º - Local de busca e desenvolvimento de dons, identificação e fortalecimento de novas liderenças;

3º - Local de comunhão espiritual, comunicação de bênçãos, pedidos de oração, desenvolvimento de amizades cristãs;

4º - Local de referência para parentes, amigos e vizinhos que necessitem de palavra de consolo;

5º - Ponto de “integração” com o Projeto Pesca – a partir do G15 – Culto no Lar, gerar agenda de visita ao não cristão, para aconselhamento, culto evangelístico, etc

2 - Visão Bíblica e Espiritual

1.O culto não se restringe a um lugar “santo”.

Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós? 1 Coríntios 3:16

2.A manifestação do Deus Eterno vai além das paredes da Igreja Local

O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens; Atos 17.24

3.O Local do culto está relacionado a pessoas especiais (e não a locais especiais)

Disse-lhe Jesus: Mulher, crê-me que a hora vem, em que nem neste monte nem em Jerusalém adorareis o Pai. João 4.21

4.A verdadeira adoração ocorre somente no conhecimento da Palavra da Verdade

Vós adorais o que não sabeis; nós adoramos o que sabemos porque a salvação vem dos judeus. Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade. João 4:22-24

5.Este Conhecimento precisa ser buscado e desenvolvido.

E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração. Jeremias 29:13

O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei ...Oséias 4:6

Então conheçamos, e prossigamos em conhecer ao SENHOR,,, Oséias 6:3

6.Da mesma forma que não há um local especial, também não há um dia especial, todo tempo é tempo de louvar a Deus.

Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós? 1 Coríntios 3:16

Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho Gálatas 1:6

7.A pregação da Palavra não é restrita ao Pastor, muitos são chamados a pregar e TODOS a testemunhar.

Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra. Atos 1:8

E as ensinarás a teus filhos e delas falarás assentado em tua casa ... Deuteronômio 6:7

 

Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém. Mateus 28:20

 

O GXV objetiva ser mais um espaço de culto ao Deus Eterno, mais uma alternativa de Comunhão entre irmãos da IBPXV, mais uma oportunidade para os membros da igreja desenvolverem seus Dons e Talentos Espirituais.

3 - Visão Pratica

1.A quantidade de GXV será limitada à quantidade de lideres espirituais dispostos e preparados para liderar os encontros – Não iniciaremos novos grupos sem a identificação e preparação dos líderes espirituais.

2.Os lideres espirituais serão irmãos da IBP XV, batizados, em comunhão plena com Deus, com os irmãos e com a Igreja Local – fora estes quesitos não há outras restrições.

3.Os lideres espirituais serão preparados pelos Pastores em encontros prévios marcados, com distribuição de diretrizes e material para a realização do GXV;

4.Após a preparação, os lideres GXV junto com os Pastores identificarão as casas para inicio posterior dos encontros – distancia, disponibilidade de dias e horários, etc.

OBS – Tanto a convocação dos Lideres quanto das Casa GXV serão a partir de anuncio geral à igreja local, ou seja, quem quiser ser líder e ou receber o culto em sua casa poderá!

5.Os encontros devem ocorrer a partir da Casa “dos membros” da Igreja – poderá haver encontros esporádicos na casa de amigos, vizinhos, parentes, em situações especiais (o vizinho pediu, aniversário, etc) o GXV ocorrera na casa de um membro da IBPXV. Todavia, em confirmando-se nova porta para pregação do Evangelho, esta casa será direcionada ao Grupo Pesca – Evangelismo.

6.Haverá uma liderança espiritual na pessoa de 2 a 4 irmãos em cada Casa GXV– Nomes indicados após a conclusão do preparo ministerial.

7.Haverá material bíblico de estudo comum para todos GXV – para crescimento mutuo dos membros IBPXV;

8.Os líderes deverão – mesmo com liberdade de ação nas casas, realizar os estudos bíblicos conforme direção pastoral, buscando manter o calendário comum de estudo entre todos os GXV;

9.Haverá encontro periódico entre Pastores e líderes GXV de avaliação (bimestral ou trimestral);

10.Haverá cultos quadrimestral na Sede com todos os participantes GXV, para louvor, adoração e testemunho;

11.Os endereços e horários do GXV serão divulgados semanalmente no Boletim e no Mural da Familia para participação de todo e qualquer membro que desejar;

12.O GXV estará abaixo do ministério Pastoral, em especial no ministério de Casais/Famílias – visão de conquistar e fortalecer a família.

 

4 – CUIDADOS

COMODISMO, principalmente dos Irmãos da Igreja

O que esse grupo pode fazer por mim? Visão passiva equivocada, a ideia é que todos os participantes do grupo contribuam com sua Fé, Esperança, Amor, Testemunho, Palavra de Louvor, Palavra de Sabedoria, etc.

A palavra de Cristo habite em vós abundantemente, em toda a sabedoria, ensinando-vos e admoestando-vos uns aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando ao Senhor com graça em vosso coração. Colossenses 3:16

LINGUAGEM DIFICULTOSA

“cristianês”, “superioridade” intelectualidade ofensiva, etc - Tende a tornar o grupo restrito e fechado, onde o irmão mais simples e o incrédulo não se sente bem-vindo. É necessário descomplicar, falar da Palavra de Deus de maneira que todos entendam, participem e cresçam.

Todavia eu antes quero falar na igreja cinco palavras na minha própria inteligência, para que possa também instruir os outros, do que dez mil palavras em língua desconhecida. 1 Coríntios 14:19


EXCESSO DE LIBERDADE

Atrasos nos horários (inicio e término), se tornar um “entrão” na casa dos irmãos, cozinha, etc

Porque antes de tudo ouço que, quando vos ajuntais na igreja, há entre vós dissensões; e em parte o creio.

Não tendes porventura casas para comer e para beber? Ou desprezais a igreja de Deus, e envergonhais os que nada têm? Que vos direi? Louvar-vos-ei? Nisto não vos louvo. 1 Coríntios 11:18-22

ESPIRITUALIZAÇÃO “FORÇADA

Tentar dar respostas “espirituais” para questões da responsabilidade humana, assumir para DEUS a responsabilidade/obrigatoriedade de cura para os seus traumas físicos e emocionais.

OBS – nós cremos na cura, no poder de Deus, e aceitamos que no mundo – assim como Cristo, temos aflições.

GRUPO “SÓ” DE APOIO


O evangelho apoiará sim o trauma individual de cada pessoa, a igreja enquanto corpo de Cristo sim, buscará auxiliar nas necessidades físicas e materiais, mas, o objetivo vai além disto, e não podemos perder o foco, trocando uma questão por outra, antes, façamos ambas.

PONTO DE PREGAÇÃO

Onde há “um pregador” e ninguém mais fala, ora, canta, compartilhe, etc...

‘POINT’ SOCIAL

Onde a discussão central é a vida social, relacionamentos e futilidades, e a Palavra é deixada de lado.

‘SEMINÁRIO TEOLÓGICO

Onde a discussão de pontos e visões bíblicas tomem a frente da Mensagem de Amor de Jesus.


Este é o GXV – grupo de fortalecimento espiritual da IBPXV, abra sua casa, torne-se um Lider de Grupo, procure os pastores da IBPXV.

 

Pastor Públio Azevedo

Vídeo da Semana

Programação da Semana

Segunda-Feira  - 20 hs
Oração, Clamor e Vitória;

Terça-Feira       - 20 hs
Encontro das Mulheres;

Quarta-Feira    -
16h- Espaço Aberto- Esportes
19h30-RECUPERE - clique aqui
20h- Estudo Biblico/Doutrinario

Quinta-Feira     - 16 hs
Espaço para Adolescentes

Projeto Mulheres do XV

Sábado
8h- EDUCAXV-cursinho ENEM
13h- Ensaios -Adolescentes
14h- Evangelismo- PESCA
15h- Ensaios -Jovens
16h- LIBRAS -
Projeto Mãos que Libertam 
20h- Vide agenda do Mês

Domingos
9h00 hs - Culto da Manhã

9h45 hs - EBD/Ministérios

17h30 - Celebração
19h30 - Celebração

Mensagens

Login -XVNET

Mensagem do Pastor

Foto Culto IBPXV

“Sim, coisas grandiosas fez o Senhor por nós, por isso estamos alegres."
Salmos 126:3

 A IBPXV é o espaço ideal para você (criança, adolescente, jovem ou adulto) e sua família buscar e desenvolver o Caráter de Jesus Criso.

Uma Igreja "VIVA e ALEGRE" que não abre mão da seriedade e reverência que o relacionamento com o Deus Eterno e Santo exige, assim sendo, manifesta em seus cultos e na vida em sociedade a alegria de filhos que sabem o Pai Amoroso que tem.

Cultos festivos, espontâneos e alegres. Louvor contagiante; Pregações atuais-relevantes;

Clamor/Intercessão contínuo.

Convido você a nos fazer uma visita, e caminhar conosco nesta busca até o Grande Dia de Encontro com o Senhor Jesus.

Abraços Pr. Públio Azevedo.

gp1

gp7

gp2

gp8

gp3

gp9

gp4

gp10

gp5

gp6